Historia de los judíos mallorquines

Por Bartomeu Bestard – Crónicas de Palma-El blog de Bartomeu Bestard
In: http://www.cronicasdepalma.es/los-judios-mallorquines/rabinos-judios-en-las-calles-de-palma/


rabinos-judíos-en-las-calles-de-Palma

Un grupo de rabinos paseando por las calles del antiguo Call mayor de Palma

La presencia documental judía en la isla de Mallorca se remonta al siglo V, aunque algunos autores apuntan la posibilidad de que hubiesen llegado antes. La comunidad hebrea supo adaptarse, no sin grandes dificultades, a las diferentes colonizaciones de la Isla. Por ejemplo, tras la conquista islámica del siglo X, no pocos judíos pasaron a formar parte del alto cuerpo funcionarial de la nueva administración musulmana, y quizás ello explique que muchos de ellos viviesen en las inmediaciones del palacio del Valí (actual palacio de la Almudaina). Continue a ler→

Rabi Eli Rosenfeld – Cartas de Lisboa – 26Ago2016 – Chabad Portugal

B”H

1

Eikev

A nossa Parsha começa com Moisés a detalhar a natureza do pacto entre D-us o o Povo Judaico. Em troca pela devoção do Povo Judaico e do seu cumprimento dos Seus desejos, D-us promete recompensa.

Muitos comentadores notam a curiosa escolha de palavras. Há muitas palavras e terminologias que poderiam ilustrar este ponto. Por que razão é que a Torá usa especificamente a palavra Ekev, a qual pode também significar calcanhar? Continue a ler→

Da Terra do Leite e do Mel à Nação da Inovação – Newsletter da Embaixada de Israel em Portugal – Nº 360 – 26 de Agosto de 2016

1Medalhista Olímpica organiza leilão para caridade

Medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, a judoca israelita Yarden Gerbi decidiu colocar a sua cre­dencial olímpica à venda no site de leilões online eBay, com o objectivo de reverter o dinheiro para um hospital que cuida de crianças com cancro. O valor angariado será doado à ala pediátrica de crianças com cancro do Hospital Ichilov (Tel Aviv). Gerbi, que conquistou a sua medalha na categoria até 63 kg, pretende manter o leilão online até segunda-feira. Para participar neste leilão: http://www.ebay.com/itm/262588984973
Continue a ler→

Cultura judaica em Ourém inspira Festival Vila Medieval

Cartaz Festival Setembro 2016

Diáspora e cultura judaica é o tema que inspira a próxima edição do Festival de Setembro de 2016,” que decorre nos dias 10 e 11 de setembro no Centro Histórico de Ourém. Durante dois dias, a Vila Medieval vai ter uma cenografia que transporta os públicos para a herança histórica e as marcas culturais deixadas pelos judeus em Ourém. Este projeto cultural parte da forte base identitária de Ourém, valorizando o património e a história da Vila Medieval, e cruza-se com outras culturas e trajetórias identitárias, no país e no mundo, através da diáspora e do transnacionalismo. Continue a ler→

Jacques Derrida

In: http://esefarad.com/?mkt_hm=43&p=72970&utm_source=email_marketing&utm_admin=22882&utm_medium=email&utm_campaign=Boletin_Se


(El-Biar, Argelia francesa 15 de julio de 1930 – París, 8 de octubre de 2004)

jacques_derrida-e1471302773989

Jacques Derrida, ciudadano francés nacido en El-Biar, un suburbio de Argelia, es considerado uno de los más influyentes pensadores y filósofos contemporáneos. Su trabajo ha sido conocido popularmente como pensamiento de la deconstrucción, aunque dicho término no ocupaba en su obra un lugar excepcional. Lo revolucionario de su trabajo ha hecho que sea considerado como el nuevo Immanuel Kant por el pensador Emmanuel Lévinas y el nuevo Friedrich Nietzsche, según Richard Rorty. Es, acaso, el pensador de finales del siglo XX que más polémicas ha levantado, por su iconoclasia y por su empeño crítico. Algunos consideran, que este logró realizar el sueño nietzscheano del filósofo-artista. Continue a ler→

Gracia Nassi: la Grande Dame juive de la Renaissance – vidéos

25 août 2016
In: http://jforum.fr/gracia-nassi-la-grande-dame-juive-de-la-renaissance-video.html


1Comment, celle qui s’est appelée tour à tour Béatriz de Luna, Dona Mendès, Hannah « Gracia » Nasi et, tout simplement, la Segnora a-t-elle impressionné et influencé la communauté juive, l’empereur Charles Quint, les papes de la Renaissance  ? Continue a ler→

Shavei Israel – O Amor no Judaísmo

In: http://casadosanussim.shavei.org/2016/02/25/o-amor-no-judaismo/


d79ed794d799_d791d79bd79cd79c_d790d794d791d794-300x297Como você define o amor pela Torá? Vejamos, o primeiro caso em que é mencionado o amor de uma pessoa pela outra é quando D’us ordena a Abraão sacrificar o filho que ele ama. O que, na verdade, isso nos ensina? O amor de um pai para o filho é o protótipo de todos os amores. Ou seja, é o amar incondicionalmente, apenas por este ser seu filho. Este é o tipo de amor que deve existir também, com as outras pessoas.

O caso seguinte de amor na Torá, é o de um homem por sua mulher: nosso antepassado Isaac amou sua esposa Rivka (note que está escrito isso depois de Isaac haver casado com ela, não durante um longo período de namoro).

O amor é criado e manifestado através de doação. A palavra hebraica para amor é “ahava”, que vem da raíz “hav” – dar. Aprendemos do caso em que Rachel diz ao marido Yaacov, “hava li banim…”, “Dá-me filhos”. Isso nos mostra o por que de que geralmente os pais amam a seus filhos mais do que estes amam seu progenitores. Quando a pessoa pode dar e dar torna-se como um pai que dá e não espera nada em troca. Continue a ler→

Shavei Israel – A Bíblia dos Anussim

In: http://casadosanussim.shavei.org/2016/02/09/a-biblia-dos-anussim/


LADINAR E ALJAMIAR

1Parece que durante séculos os judeus espanhóis trataram de “ladinar” os textos sagrados originais em hebraico para o castelhano. O verbo “ladinar” significa – traduzir em ladino, ou língua românica falada nos países ibéricos. Para isso se poderia utilizar de duas possibilidades: o aljamiado, ou seja, escrever a tradução espanhola em letras hebraicas ou árabes (do árabe “Achami” – estrangeiro) ou escrevendo diretamente no alfabeto latino.

Tudo isso sugere que, embora o interesse nos textos judaicos sagrados fosse grande, já há muito tempo o hebraico original não era acessível, pelo menos não no nível popular (a maioria dos judeus de Castela não falavam hebraico).

Estes mesmos judeus após terem sido expulsos pelos Reis Católicos, em 1492, continuaram falando o castelhano e sentiam a necessidade de estudar os textos sagrados neste mesmo idioma. Continue a ler→

Shavei Israel – Sair da Superficialidade – Comentários sobre a porção desta semana da Torah: “Ékev”

download-3No capítulo 10, versículo 16, nos deparamos com um mandamento especial: “Você deve circuncidar o prepúcio de vosso coração.”

Já conhecemos o mandamento da circuncisão, que o Criador ordenou a nosso patriarca Abraão, no capítulo 17 do livro de Bereshit (Gênesis). O comando é repetido no capítulo 12 do livro de Vaicrá (Levítico), após a entrega da Torá ao povo de Israel, fortalecendo e dando um novo valor ao comando.No capítulo 10, versículo 16, nos deparamos com um mandamento especial: “Você deve circuncidar o prepúcio de vosso coração.”

Já conhecemos o mandamento da circuncisão, que o Criador ordenou a nosso patriarca Abraão, no capítulo 17 do livro de Bereshit (Gênesis). O comando é repetido no capítulo 12 do livro de Vaicrá (Levítico), após a entrega da Torá ao povo de Israel, fortalecendo e dando um novo valor ao comando.No capítulo 10, versículo 16, nos deparamos com um mandamento especial: “Você deve circuncidar o prepúcio de vosso coração.”

Já conhecemos o mandamento da circuncisão, que o Criador ordenou a nosso patriarca Abraão, no capítulo 17 do livro de Bereshit (Gênesis). O comando é repetido no capítulo 12 do livro de Vaicrá (Levítico), após a entrega da Torá ao povo de Israel, fortalecendo e dando um novo valor ao comando. Continue a ler→